Pesquisar
Pesquisar
Ir para o site
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Whatsapp

Moto para viajar – escolha sua moto de viagem e pé na estrada!

Ah, a deliciosa sensação de liberdade que a gente tem quando viaja de moto pelo Brasil afora! Sentir a velocidade, apreciar a paisagem, descobrir novos lugares. Aposto que você abriu um sorriso só de imaginar essa cena. Mas, para ter uma experiência completa é preciso de uma boa moto para viajar.

Essa é uma atividade super democrática. Quem gosta de uma viagem mais silenciosa e contemplativa é só pegar a estrada sem companhia. Pra quem não gosta de fazer uma viagem de moto sozinho, vale descobrir outros motoqueiros e embarcar em uma aventura em grupo! Hoje vamos te ajudar a escolher a melhor moto de viagem, confere só:

Confira também em nosso blog como ter uma viagem de moto perfeita!

Qual a melhor moto para viajar?

Se você é da turma que adora uma aventura e não vê a hora de ter uma moto pra embarcar em uma viagem no fim de semana ou feriado, saiba que é importante escolher um modelo que reúna o melhor custo-benefício: que consuma pouco combustível, tenha boa autonomia e um motor com potência o suficiente pra não deixar você na mão. A resposta pra pergunta acima então é: a melhor moto para viagem é a que vai proporcionar boas lembranças pra você, seja pequena pela economia ou moto grande para viagem.

Equipe sua moto de viagem

A gente sabe que imprevistos sempre acontecem, mas alguns acontecimentos podem ser evitados – ou amenizados. Se você quer curtir uma viagem com a sua companheira de estrada com muita tranquilidade, dá uma olhada nos equipamentos que não podem faltar!

– Capacete: escolha um modelo confortável (não pode apertar nem ficar frouxo na cabeça) e que seja ‘silencioso’. Isso mesmo! Ao pilotar em velocidade acima de 80 km/h, o capacete pode fazer um ruído bem incômodo, que em excesso pode desconcentrar você.

– Traje: pra viagens com mais de uma hora de duração, é importante fazer uso de trajes técnicos. Nada de jaqueta e jeans, dê preferência a itens com proteções, forros removíveis e confeccionados com tecidos resistentes a abrasão.

– Luvas e botas: as mãos devem estar protegidas contra eventuais acidentes e é importante levar um par reserva caso as luvas molhem ao longo da viagem. As botas devem ser modelos projetados especificamente para pilotar – passe longe das botinhas para trekking.

– Baú: a melhor moto para viajar é aquela que acomoda seus pertences. Coloque sua bagagem em malas específicas, acopladas à moto. Só não vale viajar com excesso de peso pois a dirigibilidade e a segurança ficam comprometidas.

Tem muito mais dicas em nosso artigo: Viagem de moto, o que levar?

As melhores motos para viajar

– Touring

Indicada para viagens mais longas em qualquer período do ano pois tem modelos grandes, que suportam cargas consideráveis e capacidade pra até duas pessoas (pra quem não gosta de viajar de moto sozinho), é a categoria da moto confortável para viajar. Exige do piloto um nível de experiência entre intermediário e avançado. Dentro da categoria, a moto para viagem longa ideal pode ser a BMW K 1600 GTL (quase R$ 132 mil) e a Harley-Davidson Road King Special (cerca de R$ 90 mil). A Gold Wing é referência em termos de moto Honda para viagem e custa na faixa dos R$ 150 mil.

– Sport Touring

Categoria muito versátil, com alguns modelos com para-brisas mais altos e assentos dispostos de modo que o piloto sinta mais conforto. Kawasaki Ninja H2 SX (R$ 140 mil), Ducati Multistrada (R$ 95 mil) e Suzuki GSX-S1000F (cerca de R$ 55 mil) são ótimos exemplos de motos confortáveis para viagens. Outro modelo de moto esportiva para viajar é a Ducati SuperSport S, que costuma sair por quase R$ 64 mil.

– Big Trail também é uma excelente moto para viajar

São motos para viagens longas  e que encaram qualquer tipo de terreno e bem mais aventureiras. Uma moto boa e barata para viajar do tipo Big Trail é BMW R 1200 GS, que já levou o título de a mais vendida do mundo e pode custar pouco mais de R$ 25 mil. Outro bom destaque de moto boa para viajar é a Yamaha Super Ténéré 1200, no valor aproximado de R$ 71 mil.

– Cruiser

Também conhecidas como Custom, são sucesso entre os pilotos de estatura mais baixa pois têm o assento mais próximo ao chão. Isso facilita o embarque e o desembarque, além de permitir que os pés toquem o solo mais rapidamente. Indicada para níveis de experiência entre intermediário e avançado. As motos Harley-Davidson para viajar são características da categoria, com chassis mais leves e motor de dois cilindros com 114 polegadas cúbicas.

Confira ainda mais sobre moto estrada em nosso blog!

– Standard como opção de moto para viajar

Adaptabilidade é sinônimo da categoria. São básicas, fazem o trajeto casa-trabalho tranquilamente, e, mesmo assim, podem ser otimizadas para encarar longas viagens. São motos boas e baratas para viajar – a Honda XRE tem preço inicial de pouco mais de R$ 13 mil.

Começando a pilotar agora? Então não deixe de conferir em nosso blog a lista das melhores motos para iniciantes!

E qual a melhor moto para viajar a dois?

Bom, se o seu caso for viajar acompanhado, risque da lista os modelos superesportivos. A categoria Custom também não costuma ter moto para viajar com garupa pois o banco do acompanhante costuma ser muito pequeno. A Harley-Davidson Electra Glide é um bom exemplo de moto confortável para viajar com garupa pois também oferece segurança. Por muitos, a BMW R 1200 GS Adventure é considerada a melhor moto para viajar com garupa.

Procurando outro tipo de aventura? Então não deixe de conferir as opções de moto esportiva para ter mais adrenalina!

O que fazer depois de escolher a moto para viagem ideal?

Tudo pronto pra preparar a sua viagem longa de moto? Só não pode esquecer de contratar um bom seguro pra viagem perfeita ficar completa e tranquila! Confira o seguro exclusivo furto e roubo da Suhai, ele pode ser uma boa opção para você que quer economizar.